Quarta-feira, 9 de Janeiro de 2008

crianças mórbidas !!!

Perto da Casa Mortuária dos Olivais, uma senhora gritava à janela:

- " Ó João!!! Ó João!!!"

E o João nada de responder... e as chamadas continuavam "Ó João!!!"

Passado um tempinho, o menino, lá resolveu aparecer. Ele deveria ter uns 9 ou 10 anitos e vinha acompanhado por outro menino mais novo.

-" Ó João, anda jantar!" - gritava a senhora pela janela

- " Ó mãe...só vamos ver, ali, o morto e já vamos" - Respondia o menino, a gritar, à sua mãe.

-" Está bem! Mas vê se te despachas!!



Eu que estava cá fora, com uma amiga a fumar, rapidamente apagamos o cigarro e seguimos as crianças... nem queríamos acreditar.

As crianças entraram na casa mortuária como se fosse a "casa" delas. Chegam ao pé do primeiro caixão aberto e espreitaram... mas como a cara do falecido estava tapada com um lenço tiveram a ousadia de perguntar:

- " Sra., podemos ver o morto?"



graças aos deuses que o familiar (ou não) teve o bom senso de dizer que não e as crianças acabaram por sair.

Pelo amor da santa... Santa paciência!! Em vez de estas crianças estarem a brincar e a desenvolver as suas competências... andam a tornar-se bizarras e mórbidas... o mais grave é que é com o consentimento da mãezinha!!!! Há gente muito esquisita!!! APREEEEE!!

 

 

sinto-me: nem sei bem...

publicado por Mia às 21:08
link do post | favorito
De FELINO a 10 de Janeiro de 2008 às 09:52
Mãe onde? Com essa maneira de educar o menino mãe!!
Deixa mesmo muito a desejar.
Depois quando crescerem e andarem a fazer homicidios queixam-se coitadinhos eram uns queridos.

Portugal no seu melhor!!!!

beijos


De Mia a 10 de Janeiro de 2008 às 10:49
Ora aí está... tocaste um item que também me ocorreu. A morte é encarada pela nossa sociedade como um algo doloroso, penoso e respeitado. Se estas crianças são habituadas a ver estes cenários perdem toda a sensibilidade e no meu ver perdem a noção das tres caracteristicas que atras mencionei. A vida dos outros deixa de ter a importancia que deveria ter... uma vez que a morte já é encarada como banal. Depois se matarem alguem... logo se vê... coitadinhos... a culpa é da mãe... traumas de infancia! enfim...
bjokinhas


De FELINO a 10 de Janeiro de 2008 às 11:11
Sim isso é verdade. O que eu reparo é que a morte é banal mata-se por aqui dá esta palha. Uma vida para esta juventude não quer dizer nada. É dos bons e mafioso matar alguém, estamos a caminhar para um autentico Brasil lei da bala.

Beijos


Comentar:

CorretorEmoji

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog tem comentários moderados.

Este blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.


.mais sobre mim


. ver perfil

. seguir perfil

. 128 seguidores

.pesquisar

 

.Abril 2011

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2

3
4
5
6
7
8
9

11
13
14
15
16

17
18
19
20
21
22
23

24
25
27
29
30


.ainda fresquinhos

. incredula.

. A lady Baba está gaga!

. o casamento de uma prince...

. já voltei e não fui pelos...

. se eu não voltar...já sab...

. Ah?? Não percebi...

. porque sim...

. curtissima

. é oficial: eu já não vou....

. isto realmente....

.arquivos

. Abril 2011

. Março 2011

. Junho 2010

. Maio 2010

. Novembro 2009

. Outubro 2009

. Setembro 2009

. Julho 2009

. Junho 2009

. Maio 2009

. Abril 2009

. Março 2009

. Fevereiro 2009

. Janeiro 2009

. Dezembro 2008

. Novembro 2008

. Outubro 2008

. Setembro 2008

. Agosto 2008

. Julho 2008

. Junho 2008

. Maio 2008

. Abril 2008

. Março 2008

. Fevereiro 2008

. Janeiro 2008

. Dezembro 2007

. Novembro 2007

. Outubro 2007

. Setembro 2007

. Agosto 2007

. Julho 2007

.tags

. todas as tags

SAPO Blogs

.subscrever feeds